Xerophyta retinervis - Lírio negro, Lírio negro do deserto, Lírio preto do deserto

Nomenclatura botânica: Xerophyta retinervis
Nome comum: Lírio negro, Lírio negro do deserto, Lírio preto do deserto
Família: Velloziaceae
Origem: África
Altura: 1,50 – 2,00 metros
Luminosidade: Pleno sol, sombreamento parcial
Clima: Ver descrição

R$ 48,90

Escolha abaixo quantas sementes por embalagem você deseja?

Limpar

Descrição

Planta fascinante, perene, muito rara em cultivo, com até 2 metros de altura, de caule ereto, densamente coberto de folhas fibrosas e floração intensamente aromática que geralmente ocorrem após um incêndio ou chuva.

A espécie é tolerante a condições extremas, como secas, incêndios e baixas temperaturas.

Há cerca de 50 espécies neste gênero e, nove ocorrem na áfrica do sul. A espécie é muito difundida em todas as regiões de chuvas sazonalmente intensas, geralmente ocorrendo sobre afloramentos rochosos.

A coloração enegrecida ocorre nos meses mais frios do ano, inverno, mas no inicio da primavera e nos meses de verão, ficam totalmente cobertas por uma massa de flores na coloração rosa-malva; uma visão memorável e de grande apelo paisagistico, um verdadeiro coringa em nossos jardins..

Uma das características mais notáveis é que elas são capazes de sobreviver por um longo período sem água. Uma vez que Xerophyta retinervis são secas ao ar, podem permanecer viáveis durante períodos prolongados e, geralmente em seu habitat de origem, a temporada de inverno e seca dura em média 5 a 6 meses. Quando chove novamente, as plantas reidratam completamente e, notavelmente retornam as suas funções metabólicas completas no período de 24 a 72 horas.

A espécie foi muito explorada como base para plantio de orquídeas.

Alguns usos medicinais também são alusivos a planta.

É certamente uma adição fascinante para qualquer coleção, um exemplar magnifico e com características únicas para plantio de destaque em nossos jardins.

Informação adicional

Peso Não aplicável