Cedrus libani var Libani - Cedro do Líbano

Nomenclatura botânica: Cedrus libani var Libani
Nome comum: Cedro do Líbano
Família: Pinaceae
Origem: Líbano
Altura: 40 metros
Luminosidade: Pleno sol
Clima: Ver descrição

R$ 49,80

Escolha abaixo quantas sementes por embalagem você deseja?

Descrição

Cedro do Líbano é o símbolo nacional do Líbano, onde é ostentado na bandeira nacional, além de ser adotado como insígnia de diversos partidos políticos do Líbano. Está também no brasão da igreja maronita, vertente da igreja católica no Líbano.

Conífera majestosa que ocorre em altitudes de 1.000-2.000 metros, que cresce até 40 metros de altura, com tronco de até 2,50 metros de diâmetro. É uma árvore de grande longevidade, podendo viver durante séculos.
O cedro do Líbano foi de extrema importância para diversas civilizações antigas, as árvores foram usadas para a construção de navios comerciais e militares; bem como casas, palácios e templos. Os antigos egípcios usaram sua resina na prática da mumificação e sua serragem foi encontrada nos túmulos de faraós. O bosque de Cedro do Líbano era considerado como a morada dos deuses na mitologia antiga.

A sua madeira homogênea e aromática foi extensivamente usada na antiguidade. Papiros antigos comprovam sua ampla comercialização e diversidade de usos. Era costume a queima de sua madeira em cerimonias solenes, assim como, os sacerdotes judaicos utilizavam sua casca durante a circuncisão e no tratamento da lepra. De acordo com o “talmude” (livro sagrado dos judeus), os judeus queimavam madeira de Cedro do Líbano no “Monte das Oliveiras” (o Monte das Oliveiras é um local sagrado para judeus, cristãos e muçulmanos) para anunciar e saudar o inicio do ano novo.

Como resultado de sua constante exploração ao longo dos séculos, extenso desmatamento ocorreu e, poucas árvores antigas ainda restam no Líbano, o que justificou a implementação de um programa ambiental para conservação e regeneração de suas florestas. Na Turquia um extensivo trabalho também vem sendo feito no replantio da espécie, onde 30.000 há ( mais de 50 milhões) são plantados anualmente.

Um belíssimo exemplar, bíblico, repleto de história e extremamente ornamental.

Informação adicional

Peso Não aplicável