Artemisia annua - Artemisia Doce, Artemisia Antimalárica, Erva Mágica, Chinese Wormwood, Quing Hao

Nomenclatura botânica: Artemisia annua
Nome comum: Artemisia Doce, Artemisia Antimalárica, Erva Mágica, Chinese Wormwood, Quing Hao
Família: Asteraceae
Origem: Ásia
Altura: 0,80 – 2,00 metros
Luminosidade: Pleno sol, sombreamento parcial
Um componente da Artemisia annua venceu o “Prêmio Nobel da Medicina de 2015”

R$ 39,80R$ 289,00

Escolha abaixo quantas sementes por embalagem você deseja?

Limpar

Descrição

O gênero Artemisia inclui diversas plantas conhecidas e usadas na medicina, perfumaria e indústria de alimentos e bebidas, tais como: Artemisia dracunculus (estragão), Artemisia absinthium (absinto) e Artemisia vulgaris (Artemisia verdadeira).

O uso da Artemisia annua e de seus componentes é uma contribuição muito significativa da medicina tradicional chinesa para o mundo, destaque para o uso da artemisinina no tratamento da malária, potente e eficaz para o tratamento inclusive da malária cerebral e da malária falciparum, resistente a múltiplos fármacos. Considerada o principal componente ativo da planta, a artemisinina venceu o prêmio Nobel da Medicina em 2015.

Artemisia doce é uma erva anual, aromática e medicinal da Ásia, e tem sido usada na china para o tratamento da febre, icterícia, dor de cabeça, tonturas e sangramentos, há mais de 2.000 anos. A investigação cientifica para a atividade antimalárica teve inicio a partir de 1970. Artemisinina extraído de Artemisia annua tornou-se extremamente importante no tratamento da malária, uma vez que a resistência a muitos outros antimaláricos tornou-se generalizada.

Muitos programas de pesquisas estão em andamento com foco na seleção de plantas com rendimentos mais altos de ‘artemisinina’.

Em 1972, químicos chineses, isolaram das folhas de Artemisia annua, o ‘qinghaosu’, uma molécula proveniente do metabolismo secundário da planta classificada em 1979 como uma ‘lactona sesquiterpênica’. A ela deu-se o nome de “artemisinina”.

Artemisia ocorre naturalmente nas planícies da China, entre 1.000 e 1.500 metros de altitude, também cresce naturalmente em alguns países da Europa (Hungria, Bulgária, Romênia e França), América do Norte e América do Sul (Argentina). Além disso, vem sendo introduzida em outros países como Vietnam, Tailândia, bruma, Madagascar, Malásia, Holanda, Suíça e Brasil.

Apesar de originaria de regiões de clima temperado, apresenta boa adaptabilidade em regiões de clima tropical e excelente capacidade de desenvolvimento em diferentes tipos de solo.

No oriente, a espécie também e utilizada como fonte de óleo essencial na indústria de produtos sanitários e cosméticos.

Planta de caule único, folhas semelhantes às de samambaia e flores amarelas; aroma muitíssimo agradável, refrescante e ligeiramente balsâmico.

Um óleo essencial das folhas é usado como aromatizante em bebidas como vermute.

Informação adicional

Peso Não aplicável