Lavandula angustifolia hidcote blue - Alfazema, Lavanda Hidcote, Lavanda Inglesa Hidcote Azul, Flores Azuis de Lavanda

SKU P-929 Categorias , ,

Nomenclatura botânica: Lavandula angustifolia hidcote blue
Cultivar: Hidcote blue
Nome comum: Alfazema, Lavanda Hidcote, Lavanda Inglesa Hidcote Azul, Flores Azuis de Lavanda
Família: Lamiaceae
Origem: Região do Mediterrâneo
Altura: 20 – 30 cm
Luminosidade: Pleno sol, sombreamento parcial
Clima: Ver descrição abaixo

R$ 48,90

Escolha abaixo quantas sementes por embalagem você deseja?

Descrição

Espécie perene, extremamente rara em cultivo e particularmente ornamental, sendo distinguida pela cor azul-pavão de suas flores e por ser um cultivar bastante compacto em altura, um verdadeiro anão dentro da espécie.

Muito valorizada pela capacidade em manter o aroma após o corte e secagem. Cultivar altamente aromático. Suas flores são muito utilizadas na culinária pra acrescentar sabor em saladas, sobremesas, bebidas e ensopados.

Curiosidades:

Propriedades curativas de lavanda foram descobertas em 1928 pelo químico francês René-Maurice Gattefossé, quando ele acidentalmente aplicou óleo de lavanda para uma queimadura que sofreu enquanto em seu laboratório. Ele observou que a queimadura não se infectou e curou muito mais rápido do que o habitual. Esta foi a primeira vez que a medicina moderna reconheceu o potencial de cura de lavanda e documentou as suas propriedades antifúngicas, antibacterianas e habilidades de reconstrução de colágeno.

É um belíssimo exemplar para plantio em pequenos espaços, formam lindíssimas bordaduras em canteiros promovendo um espetáculo em cores nos tons de azul escuro (azul pavão).

A espécie altamente atraente para abelhas, borboletas e pássaros.

Inseticida natural para traças e outros insetos de jardins.

Folhas e flores extremamente perfumadas, a lavanda inglesa tem sido um pilar em jardins de ervas e, apesar de seu nome comum, a espécie não é verdadeiramente nativa da Inglaterra, e sim da região do Mediterrâneo.

A espécie é bastante rústica e pode ser cultivada em vasos adornando janelas ensolaradas, na aromatização de ambientes, na formação de maciços, na demarcação de caminhos, em varandas e, muitos, muitos outros apelos paisagísticos.

Informação adicional

Peso Não aplicável