Nome:
E-mail:
Mensagem:
 
    Caso não tenha encontrado algum produto de seu interesse, por favor, informe no formulário abaixo.
     
Nome:
E-mail:
Produtos:
 
     
 
Home    Artigos    Empresa Promoçoes    Catalogo    Contato
 Políticas da Empresa    Manuais Cadastro    Loja   
 
 
 
 
  NÃO ENCONTROU O PRODUTO QUE PROCURAVA? FAÇA UMA BUSCA EM NOSSO CATALOGO. CASO NÃO ENCONTRE, CLIQUE AQUI.
 
 
  UTILIZAÇÃO DE ÁCIDO GIBERÉLICO

INSTRUÇÕES PARA UTILIZAÇÃO DE GA3

Ácido giberélico foi descoberto pela primeira vez no Japão, em 1935, como resultado do estudo de uma condição comum em plantas de arroz chamado de "insensato mudas" doença, o que causou as plantas a crescer muito mais altas que o normal. Os efeitos da giberelina não foram amplamente entendida até anos mais tarde. Ácido giberélico, GA3 é naturalmente um hormônio vegetal que regula no crescimento das plantas, incluindo desencadear a germinação das sementes. Ácido giberélico não é fabricado, é um produto natural extraído do fungo Gibberella fujikuroi. Existem mais de 100 formas conhecidas de ácido giberélico; GA3 é o mais eficaz.

Sementes de muitas espécies de plantas requerem a exposição a baixas ou altas temperaturas dentro de um certo período de tempo antes que elas germinem.

Esse processo é chamado de estratificação térmica. Alternativamente, o hormônio gibberelline pode ser usado para quebrar essa dormência.

Álcool solúvel GA3 Pó 90% é a mais econômica forma de ácido giberélico. É solúvel em comum 70% álcool. Antes que possa ser utilizado deve ser convertido em um líquido. A quantidade de ácido giberélico que deve ser utilizada é muito pequena.

Coloque a quantidade correta de pó em um pequeno frasco, adicionar algumas gotas de álcool. A única razão para usar o álcool é a de diluir o ácido giberélico em pó. Use alcool apenas o suficiente para molhar o ácido giberélico em pó. Se, depois de alguns minutos você ainda puder ver algum pó, acrescente mais algumas gotas de álcool. Em seguida, basta adicionar água para obter a PERFEITA concentração. É muitas vezes dito que o álcool pode danificar as plantas. Sim, mas não a muito baixa concentração, necessária para dissolver o ácido giberélico. 90% GA3 pó não dissolve na água. Uma vez misturado ele perde a viabilidade no prazo de uma semana, mesmo refrigerado.

Você não precisa de muita solução para embeber suas sementes, apenas o suficiente para que as sementes possam inchar. A maior parte das sementes podem ser embebidas EM PEQUENA PARTE DE MISTURA GIBERÉLICO..As sementes devem ser colocadas em papel de filtro dobrado para facilitar o manuseio quando embebidas.

Para saber a CORRETA concentração, substituir X e Y, (X mg / Yml) x 1000 = Z ppm
Para saber a quantidade de solução a fazer para obter um certo ppm, substituir X e Z, (X mg / Z ppm) = Y x 1000 ml
Para saber a quantidade de pó para uso, substituir Y e Z, (Z ppm x Y ml) / 1000 = X mg

Por exemplo: 100mg de GA3 em 200ml de água RENDE 200ml a 500 ppm (parte por milhão). 100mg de GA3 em 400ml de água RENDE 400ml a 250 ppm.

Você irá receber 1g de GA3 a 90% de concentração em pó em um pequeno saco ziplock, quantidade suficiente para fazer um 2 litros de solução a 500 ppm. Você deve ter o suficiente para no mínimo 2 anos.

Utilize forte solução de 500 ppm, em sementes com dificuldade alta para germinação , e de 250 ppm para sementes que são apenas lentas para iniciar germinação. Sementes que possuem uma casca dura, você pode utilizar uma maior concentração, 750-1000 ppm. Você pode INICIALMENTE “atormentar” as sementes, colocando-as por 24 horas e no máximo para três dias. Manter as sementes em temperatura ambiente. As sementes podem então ser semeadas. Não usá-lo em sementes de fácil germinação, a menos que você utilize uma baixa concentração, como 25-100 ppm, e mergulhe-as apenas por 2-3 horas.

Ácido giberélico também pode influenciar o momento da floração, sexo da flor, tamanho das flores e aumentar o número de flores. Se uma planta é suficientemente desenvolvida,o florescimento prematuro pode ser induzida por aplicação direta do GA3 para plantas jovens. A formação de flores masculinas geralmente é promovida pelas concentrações de 10 a 200 ppm, e flores femininas por concentrações de 200 a 300 ppm. Você pode ter um aumento no número de flores por aplicação directa de GA3 em plantas jovens, a 25 ppm.

Quando há dificuldade com frutas devido à polinização, GA3 pode ser efetivamente utilizada para aumentar o vingamento. Os frutos resultantes talvez parcialmente ou totalmente sem sementes.

GA3 aplicadas perto do broto terminal de árvores pode aumentar a taxa de crescimento, estimulando mais ou menos constante crescimento durante a temporada. Desde que GA3 regula o crescimento, as aplicaçôes de concentrações muito baixas podem ter um efeito profundo enquanto que demasiado vai ter o efeito oposto.

Embora GA3 não é listado como um veneno, as seguintes precauções devem ser observadas:

Lavar com água qualquer GA3 que possa entrar no olho. Evitar o contacto com a pele e, se possível lavar afastado de qualquer contacto com água e sabão. Evite a ingestão de GA3.