Nome:
E-mail:
Mensagem:
 
    Caso não tenha encontrado algum produto de seu interesse, por favor, informe no formulário abaixo.
     
Nome:
E-mail:
Produtos:
 
     
 
Home    Artigos    Empresa Promoçoes    Catalogo    Contato
 Políticas da Empresa    Manuais Cadastro    Loja   
 
 
 
 
  NÃO ENCONTROU O PRODUTO QUE PROCURAVA? FAÇA UMA BUSCA EM NOSSO CATALOGO. CASO NÃO ENCONTRE, CLIQUE AQUI.
 
 
  COMO CUIDAR DAS MUDAS NO RECEBIMENTO

coloque cada muda em um saco ou vaso plástico com substrato previamente preparado, lembrando-se de não enterrar o “colo” (divisão entre caule e raiz) da mesma. Siga a receita de adubação sugerida (próximo item).

Irrigue de imediato, para que o substrato fique úmido.

Mantenha os vasinhos à sombra, até que as plantas comecem a emitir brotações novas. Depois vá adaptando-as gradativamente a uma maior exposição solar, até atingir o nível desejado.

Receita de adubação

(base: 50 litros de terra; empregar a mais fértil que estiver disponível):

- 50 litros de terra
- 100 gramas de NPK 10-10-10
- 100 gramas de superfosfato simples (fonte de fósforo, para enraizar bem)
- 150 gramas de calcáreo dolomítico
- 10 gramas de FTEBR12 (fonte de microelementos)
- 5 a 10 litros de esterco ou composto orgânico

Misture tudo, e encha os recipientes. As mudas crescerão rapidamente.
OBS: Caso deseje, podemos fornecer qualquer um dos adubos químicos acima relacionados.

Instruções para plantio

As instruções a seguir referem-se ao plantio diretamente no solo. Para vasos ou jardineiras, proceda de forma semelhante.

Selecione um local de acordo com as exigências da planta escolhida (luminosidade, drenagem, etc.).

Abra uma cova com as dimensões 60 cm x 60 cm x 60 cm, separando a porção de solo superior, que é mais fértil que a do fundo.

Adicione a esta parte os seguintes adubos:

- 100 gramas de NPK 10-10-10
- 100 a 150 gramas de superfostato simples, ou 400 gramas de farinha de osso
- 100 a 150 gramas de calcáreo dolomítico
- 10 gramas de FTEBR12
- 5 a 10 litros de esterco ou composto orgânico

Misture bem, e leve ao fundo da cova. Coloque a muda, sem enterrar o “colo”. Complete com a terra que estava no fundo.

Escolha dias chuvosos ou nublados para o plantio.

Algumas espécies de plantas são sensíveis à radiação solar excessiva, e precisam de sombra em sua fase juvenil. Se for o caso, plante-as à meia-sombra ou utilize coberturas de tela sombreadora.